segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

FALTA DE ´BARREIRAS´ FACILITA AÇÃO DOS ASSALTANTES NA GRANDE ARACAJU.

A falta de policiamento ostensivo e a retirada de alguns pontos de barreiras, como no Marcos Freire, tem facilitado a ação dos assaltantes que, usando motos, fogem com facilidade para outros estados, já que a maioria dos assaltos são praticados por motoqueiros.

Essa situação, foi levantada pelo gestor da Caixa Beneficente dos Servidores Militares de Sergipe (ABSMSE), sargento Jorge Vieira que, preocupado com o aumento dos assaltos a mão armada, e os constantes assassinatos, sugere que volte a ser ativado os postos do Marcos Freire, em Nossa Senhora do Socorro, pela estrada do Santa Gleide, e com isso, sejam feitas abordagens nesses locais. “É preciso que dificulte a ação desses marginais, só que como está a situação tende a aumentar. Por exemplo, os bandidos usam a rota pelo Porto Dantas e dali fica fácil para que esses marginais deixem o nosso estado, porem levando o que é nosso”. Defende Vieira.

Essa situação também tem preocupado os comerciantes do centro de Aracaju, já que o número de Policiais Militares que fazem o policiamento ostensivo, não é suficiente para manter a segurança da população. Isso segundo Vieira pode ser resolvido, caso seja retirado os PMs das repartições e os mande de volta para a rua. “É preciso que o policial militar esteja na rua para proteger o cidadão, e não nas repartições. Essa situação, a ABSMSE vem defendendo a muito tempo, porem nada é feito para ampliar o numero de policiais”, explicou Vieira.

Fonte: Faxaju (Munir Darrage)

Nenhum comentário: