sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

MAIS UM PRESO FOGE DE FÓRUM EM SERGIPE.

José Aparecido Santos saiu do Copencam, junto com mais três detentos

Mais um presidiário foge no momento em que se preparava para prestar depoimento durante audiência na Segunda Vara do Fórum Juiz José Fernando de Brito, localizado no município de Propriá, na manhã desta quinta-feira, 10. José Aparecido Santos Rodrigues Silva, 24, estava preso no Complexo Penitenciário Manoel Carvalho Neto (Copemcan), em São Cristóvão acusado de tentativa de homicídio. É a segunda fuga registrada esta semana das dependências de fóruns.

No Fórum de Propriá, o secretário Gustavo Henrique Araújo Silva contou à reportagem do Portal Infonet que Aparecido chegou juntamente com mais três presos para audiências. “Os quatro estavam escoltados por três policiais. Houve a tentativa de fuga de um deles, que foi recapturado e Aparecido conseguiu evadir-se. No momento do ocorrido, estavam funcionando as duas secretarias do fórum, com cerca de 4O a 50 servidores, além das pessoas que também estavam aguardando audiências”, ressalta.

Os réus não iriam depor apenas na Segunda Vara, mas na Primeira também, sendo que o fugitivo teria audiência com a juíza Sébna Simião da Rocha. Indagado se os presos estavam sem algema, Gustavo Henrique disse não poder precisar. “O que ficamos sabendo foi que a algema utilizada na captura do preso que estava aqui no pátio é do segurança do fórum. Os outros não sabemos se estavam algemados”, diz.

Na última terça-feira, 8, o presidiário José Adriano Pereira da Silva foi deslocado do presídio do bairro Santa Maria para o fórum do município de Maruim, onde prestaria depoimento em audiência, quando também conseguiu escapar.

Escolta

O diretor do Departamento do Sistema Penitenciário de Sergipe (Desipe), Manoel Lúcio Neto informou no início da tarde desta quinta-feira, 10, que o preso ainda não foi recapturado. "As equipes estão trabalhando na busca. O que eu quero deixar claro é que as escoltas não são feitas pela Secretaria de Justiça, mas por policiais militares. Nas duas fugas, tanto de Maruim, como de Propriá, a PM era quem estava fazendo as escoltas dos presos", acrescenta.

Fonte: Infonet (Aldaci de Souza)

Nenhum comentário: