quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

SEM FARDA.

Houve quem estranhasse o fato de o deputado estadual capitão Samuel ter tomado posse trajando terno em vez da farda de gala da Polícia Militar. Pois podem se acostumar com a nova vestimenta do parlamentar. Ele está impedido de usar o fardamento desde dezembro passado, quando foi diplomado deputado e, automaticamente, entrou para a reserva remunerada da PM. Da indumentária que vestiu durante anos, capitão Samuel só pode utilizar o coturno, única peça da farda que ele usou na solenidade de posse na Assembléia Legislativa.

Em extinção

O Batalhão Especial de Segurança Patrimonial (Besp), criado no último governo de João Alves Filho (DEM), está caminhando para sua extinção. É que muitos de seus integrantes, todos militares da reserva, completaram ou estão completando 70 anos, idade que os impede de continuar no Besp. Outros já pediram desligamento depois do bom reajuste salarial conquistado no primeiro mandato do governador Marcelo Déda (PT). O terceiro motivo é que o próprio comando da PM não vê muito sentido em manter aquele Batalhão.

Fonte:  blog do jornalista Adiberto de Souza

Nenhum comentário: